sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

O que fazer quando o vilão está dentro de nós mesmos?

Tenho uma tia perfeita. Doce, amiga, mas com um defeito que acaba com a vida dela: mentiras. Ela inventou certas verdades para ela que simplesmente não condizem com a realidade. Diz que não estuda porque é burra, que não emagrece porque não consegue, que não aprende a nadar porque não é capaz.

Mas minha tia não foi sempre assim, acho que contou uma primeira mentira a si mesma e acreditou. Daí para frente foi ladeira abaixo.

Então, ontem sugeri: vamos à natação comigo. Tenho certeza que se você aprender a nadar vai desbloquear todas essas mentiras que contou a si mesma. Hoje cedinho chamei.Você foi? Nem ela. Nem atendeu ao telefone.

Enquanto nadava fiquei pensando nas mentiras que contamos para justificar a preguiça de encarar um desafio. Não consigo fazer, assim, não preciso nem me esforçar.

Esta moça da foto é autora do livro “Era uma vez uma princesa”. Ela conta a história do seu casamento com um príncipe da Malásia. Ele a agredia de forma assustadora, mas o que chamou a atenção foi a mentira. Ele dizia que ela não seria capaz de separar nunca porque não teria capacidade de seguir sua vida sozinha. E ela acreditou.

Neste caso, a mentira veio de fora e ela, um dia, conseguiu fugir. Mas, no caso da minha tia, a ameçava vem de dentro. Todos nós nos boicotamos em pequenas e grandes coisas. Inventamos mentiras para evitar o esforço e assim a frustração. Por isso, terminei de nadar e continuei pensando: O que fazer quando o vilão está dentro de nós mesmos?

12 comentários:

Uma adolescente em crise disse...

Primeiro temos que ver e aceitar que nós estamos nos boicotando e passar a lutar contra isso, cada vez que dissermos que não somos capazes e nem adianta tentar ir e fazer o contrario se você acha que não é capaz vai lá e tenta porque se você se esforçar e quiser realmente fazer não importa o que for você vai conseguir. Só depende de você!!

Fabianne disse...

todos nós temos nossos fantasmas. Meu segredo p lidar c eles é - foi - ver a pessoas q eu queria ser e construir pontes entre a 'velha' e a 'nova' fabianne. mas é um esforço diário...

Georgia disse...

Nossa Flavia, que tema!!!

Mas é isso mesmo. Temos monstros dentro da gente que nos diz que nao vamos conseguir.

O melhor desafio tem que partir da gente. Nao adianta vc falar ou mostrar, a própria pessoa tem que querer.

É duro, é preciso uma forca de vontade muito grande para sair da inércia onde se posicionou por motivo de seguranca.

Um beijo

Lucia Cintra disse...

Eu aprendi bem cedo a nao dizer mentiras como essas a mim mesma e sou mt grata as pessoas que me ensinaram que sou capaz de tudo.

De vez em qdo tenho meus momentos de deslize, mas a mensagem vem bem forte a minha cabeca novamente.

Agora pras pessoas que as vivem deve ser dificil modificar o habito. Deve haver mt apoio daqueles ao seu redor pra conseguir guia-las a ter uma vida mais completa.

Bjos

Georgia disse...

Flavia querida!!!

É hoje o seu aniversário: 25.01

Parabéns!!! Feliz Aniversário!!!

Passa lá na Saia tem um presentinho virtual pra você!!!

Beijao

Flavia Pardal disse...

Nesses casos só com tratamento e terapias, no fundo essas pessoas são vitimas de si mesmo. Uma pena não é?

bjs

Lilica disse...

Na maior parte das vezes, o vilão está dentro de nós! Infelizmente afinal, porque esse é o vilão mais difícil de ser vencido!
Beijos

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Todos nós temos nosso lado "vilão", mesmo que não percebamos isso...
Beijocas,

Ronald disse...

Flávia, vim aqui em nome da mega Georgia te desejar muitas felicidades.

Se Georgia disse que voce é impar, então, me rendo...

Muita saúde, paz e que todos seus sonhos sejam realidades..

Se me permite, um beijo carinhoso!

Linda Carioca disse...

Olá, tudo bom ? Essa é apenas a minha primeira visita ao seu blog !

E adorei o texto, inclusive, vou aproveitar ele para me perguntar em quais mentiras eu acredito, pois quero deixar de acreditar nelas !

Obrigada por seu texto, ele me deu ânimo para acreditar mais !

Beijos, voltarei mais aqui !

adaobraga disse...

São elefantes de circo, ficam amarrados em pequenos pedaços de paus, porque acreditam que são incapazes de libertarem.

Carolina disse...

Este tema dá um bom caldo de post!

Bom pra começar verdade é algo relativo. Porque não existe uma verdade absoluta, mas várias versões da mesma.

Boicote sim, existe e geralmente é um processo interno e muitas vezes voluntário. Uma vez ouvi um comentário que nunca mais esqueci: você seu melhor amigo e por vezes o seu pior inimigo! Desde então levo ao pé da letra este dito.

Agora existe o processo voluntário e nocivo de uma outra pessoa nos sabotando o tempo todo ao ponto de que passamos a acreditar naquela verdade queo outro diz de tal forma que nos tornamos inerte, sem ação e com medo de apostar no contrário. É a tal pessoa-pesticida.

O que importa mesmo é se arriscar pra ver se lá adiante foi milagroso quebrarmos paradigmas e rever conceito enraizados.

bjos meus

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...