domingo, 11 de janeiro de 2009

Por que os filmes não conseguem ser tão bons quanto os livros?

Hoje no blog “O que elas estão lendo!?” estréia um novo quadro. Mas o que importa é o tópico que pergunta: “O que é melhor? O livro ou o filme?”

Eu parei para pesar sobre isso e até pesquisei. Vi uma entrevista da escritora Martha Medeiros onde ela diz que não reconheceu algumas partes do próprio texto quando foi adaptado para teatro. Li uma entrevista da autora da famosa série Gossip Girl, onde ela diza que certos personagens lhe pareciam estranhos na série da TV.

A pergunta do blog fala sobre o livro “O caçador de pipas”. Eu comecei a ler o livro e parei. Achei um porre. Mas quando lançou o filme resolvi terminar de ler e só depois conferir no cinema. Minha opinião? Não gostei do livro, mas o filme dá nos nervos! A essência do livro se perdeu completamente!
Sei que produzir um filme é caro e tem que ser o mais comercial possível para valer o investimento. Mas estou falando de essência, idéia...

Por isso, depois de dar minha opinião lá no “O que elas estão lendo!?” fiquei pensando: Por que os filmes não conseguem ser tão bons quanto os livros?

19 comentários:

Lilica disse...

É...normalmente os livros são bem melhores. Acho que o único filme que ainda chegou perto de ser tão bom quanto o livro foi Bridget Jones.... Gostei bastante do filme!
Beijão

Mariachiquinha disse...

Ler é uma questão de hábito.E culturalmente falando,não estamos acostumados a ler,nem livros,nem jornais, nem revistas...nada.

A imagem atrai.Quando esse livro vira um filme,uma minissérie, é como se ele tomasse vida.Saísse da estante e ganhasse vida própria.

É justamente nesse momento em que eles estão em envidência que disperta a curiosidade para uma leitura mais aprofundada.

Nunca vi tanta gente comentando sobre Maysa e comprando vários livros sobre sua vida como agora.
À cada diferente produção para Capitu,mais jovens lêem Machado de Assis.E as comparações entre o livro ou a série,o filme são incomparáveis.Isso sem falar no fenômeno Harry Porter.

Eu gosto muito dessa ligação filme e literatura.Sempre que possível procuro estimular meus alunos à leitura a partir de filmes relacionados com o tema em questão.

Raquelita... disse...

reforço o time das pessoas que acreditam que uma boa leitura vale mais (muuuuito mais) que horas na frente da televisão, mas tenho que admitir que tb me sinto atraída pela imagem. compartiho do pensamento da mariachiquinha, qdo ela diz que, em alguns casos, a obra escrita, qdo vai para a TV ou cinema, acaba despertando o interesse de um maior número de pessoas.
"marley e eu", por exemplo. ´qdo me li a respeito desse livro, não me empolguei para lê-lo. mas fui ver o filme. e adoreeeeeeei!

Faby disse...

O exemplo perfeito para mim é o livro PERFUME do autor Patrick Suskind. Fiquei apaixonada quando li e decepcionada quando vi o filme anos depois. Dai passei a nunca mais assistir a nada do que li. Virou regra.
Beijos
Faby

Claudia Acourt disse...

Penso que sao universos diversos contando uma mesma història. Quem aprendeu a "ver" a singularidade entre as letras tem maior sensibilidade com um livro. Porem, um filme pode ser melhor que um livro. Depende do filtro da pessoa que ve. Ah, e do talento do diretor.

Um detalhe curioso. Eu observo que, geralmente, os filmes europeus conseguem ficar perto da historias dos livros.

Carolina disse...

Acho que não tem como ser igual, na íntegra. São formas de comunicaçaõ diferente e vai muito da percepção de ambos os lados, direção e escritor. Mas parto sempre do princípio de ler antes de ver o filme. Não sei se é superstição minha, mas, pra mim dá certo.
Agora concordo com você sobre Caçador... não gostei nem do livro nem do filme. Eca!

M a r i disse...

É verdade. Eu prefiro mil vezes os livros dos filmes que eu já vi.

P.S.: As férias acabaram, rs!
Obrigda pela visitinha.

Beeejs, querida!
;**

Fabianne disse...

Os livros são melhores, na minha opinião, porque contamos co o elhor recurso do mundo - nossa imaginação. O filme é meio "goela a baixo" Se vê e se sente exatamente aquio que a indústria do cinema quiser
bjs

Eneida disse...

Ah, com livros podemos sonhar, imaginar, viajar, e não apenas receber informações como nos filmes!
Adoro ler!
Beijo!

Drunken Alina disse...

Eu acho que os livros são melhores porque tem mais riqueza de detalhes!

Beijos!!!

Flávia e Kbça disse...

oi, tudo bem?

então. não tenho o hábito de ler, então recorro aos filmes para me interar sobre certos assuntos, mas, acho que se eu ler algum, não veria o filme, porque, a leitura faz nossa mente trabalhar, cada pessoa imagina aquela situação descrita de uma forma e quando você vê o filme, fica aquela sensação de que não foi isso que imaginei. acho que é por isso que dificilmente alguém gosta de ver o que leu.

abraço.

Lucia Cintra disse...

Acho que a resposta mais simples eh... Dinheiro.

Seria impossivel reproduzir cada linha em detalhe de um livro pra filme.

Eles tem um determinado valor que podem gastar (budget) com a producao, entao mt coisa eh adaptada pra caber nao so nesse 'budget' (nao sei essa palavra em portugues), mas tb eles tem que controlar o tamanho do filme pra nao ficar mt longo.

Tudo isso conta, entao da no que da. Bjos

Kall disse...

Rs
Flavia sera que eu sou boba demais...geralmente ja pulo p os filmes(acabo perdendo a essencia?) e adoro tudo que vejo agora nas ferias vi o caçador adorei ,me emocionei e tals.
Mas um classico p mim que pulou p a telona é sem sombra de duvidas a trilogia do Senhor dos Aneis.
Voltando agora das ferias e matando saudades dos amigos.
Se cuida
Bjão

Sweetkarolly disse...

li os teus textos após ter visto um comentário teu em meu blog. obrigada.
concluo assim resumidamente que: vc eh linda!

TaTy GaSpAr disse...

é um questão conflitante, realmente!
E eu já opnei sobre isso lá!

Vim te avisar que tem um mimo pra vc lá no meu blog!
É meu novo selinho que estou dando ao Depois dos 25 e ao o que elas andam lendo tbm...
Já avisei a Geórgia!
Esperoq ue goste!
um bjinho***

June disse...

Não penso que livros sejam melhores que filmes. Simplesmente porque o filme não é o livro, é a interpretação do diretor para o livro. O diretor passa o que mais marcou ele no livro, como imaginou o que lia, etc e tal. É um ponto de vista. E se a idéia central se perde, é porque o diretor não deu muita importância a ela.
Até porque filmes são apenas baseados em livros. A base é aquela, mas a pintura, a imaginação não. É como bolo de chocolate, pegue a mesma massa e entregue para 3 confeiteiros, vai sair um bolo diferente a cada um. Filme é assim. Se 3 diretores filmarem com base em um mesmo livro, estou certa que os 3 filmes poderiam ser julgados como nada a ver um com o outro por quem não sabe da origem em comum deles.
Se você lê o livro primeiro, o filme nunca será tão bom, simplesmente porque você já fez o "filme" ideal em sua imaginação, e nada nunca será páreo para ela...

Georgia disse...

Eu nao vi o filme, mas li o livro. Achei interessante, mas nada fantástico como o pessoal anda dizendo. EU acho que as pessoas têm uma fome de cultura muito grande, por isso o sucesso. mas o livro no final é um tédio só.

Um beijo

loucavida2 disse...

Acho que depende muito... Depende do livro e depende do filme! Já vi filmes tão bons quanto os livros e sinceramente, já vi filmes mais interessantes do que os próprios livros que o originaram.

alerts disse...

I will pass on your article introduced to my other friends, because really good!
wholesale jewelry

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...