sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Acreditamos mesmo que pode acontecer com a gente?

Na novela "Viver a vida", Luciana, interpretada por Aline Moraes, perde os movimentos das pernas e dos braços em um acidente.
A personagem mostra a fragilidade do ser humano, seja ricou ou pobre. Daquelas que dinheiro, nem Mastercard podem comprar.
Num cruzeiro com minha avó e tia noveleiras, vi uma semana inteira de novela. O suficiente para ouvir várias vezes o que diziam a uma Luciana inconformada: podia ter acontecido a qualquer um.
No dia seguinte, enquanto corria na pista do navio, observava o mar e pensava: quem é esse qualquer um?
Há oito anos atrás sofri um acidente de carro e tive uma fratura de T12, além de vários outros ferimentos. Uma laranja cresceu no meio da minha coluna e por muito pouco não fiquei sem o movimento das pernas. Passei seis meses utilizando um colete que me obrigava a tomar banho sentada e com a ajuda de alguém.
Talvez, por isso, esse "qualquer um" tenha chamado tanto minha atenção. Esse "qualquer um" dia fui eu. Mas olhava para aqula personagem como se eu fosse blindada. O "qualquer um" é toda a população, menos eu, porque seria injusto!
Num determinado momento minha avó disse: "coitado de quem passa por isso!" O que apenas colaborou com o pensamento de comigo não!
Fui juntando tudo e pensando... Quando dizemos que pode acontecer a qualquer um... Acreditamos mesmo que pode acontecer com a gente?

9 comentários:

Beta disse...

Nós nunca pensamos que isso pode acontecer com a gente né??
Negação é a melhor fuga!

Bj
beta

Luciana Klopper disse...

Tem um presentinho no blog pra quem fez a diferença na minha vida esse ano..e claro vc!

http://olhosepensamentos.blogspot.com/2009/12/neste-ano-voce-fez-diferenca-para-mim.html

Bjs

mitti disse...

Eu penso nisso o tempo todo. falo com a minha mãe...a vida pode mudar em 1 segundo.

Eu tenho plena consciencia que agora estou bem, mas daki a 1 minuto não sei.

Só Deus que sabe mesmo.
Eu procuro não abusar...hehehehhee

bjinho

Ivana disse...

Não. Penso que mesmo quando dizemos isso, ainda assim não pensamos que pode ser com a gente. Ter esta consciência, de maneira realistica, é assustador demais...

Eraldo Paulino disse...

Um gole a mais de vinho, um segundo a mais para sair de casa, um passo a mais do endereço.. tudo isso ode mudar os rumos de nossa existência. O segredo é viver intensamente cada instante e tentar fazer as nossas vidas algo extraordinário a cada respiração. nunca se sabe...

bjs e bom fim de semana!

Consultora Sentimental disse...

Jamais nos passa pela cabeça viver qualquer tragédia e raramente passa pela nossa cabeça agradecer o momento que temos e a saúde do nosso corpo. A consciência de que somos humanos pode ajudar mto na hora de viver.
e tda hora é hra de viver...
Hoje perdi meu tio mais velho e sinto uma dor que me faz refletir outras perdas.
um abraço.

Cheers! Fla disse...

Olha, eu achoque a gente pensa "pode acontecer com qq um", mas no fundo a gente nao acredita nisso. Uma vez mergulhei na piscina do sitio dos meus pais e bati o nariz no fundo da piscina, sangrou, aquele negocio, por sorte nao quebrou e por sorte nao quebrei o pescoco, depois de uns meses fiquei sabendo de um menino que estudou comigo no ginasio, ele mergulhou em uma piscina e a mesma coisa aconteceu, infelizmente ele quebrou o pescoco e ficou paralitico. Entao pode sim acontecer conosco, mas acho que eh natural nao ficar pensando nisso o tempo todo.

bjs

Desabafando disse...

Não, nunca acreditamos nisso...esperamos sempre que aconteça com o qualquer um do outro lado da rua né? rsrsrs...

Carolina disse...

Somos alienados ou venxergamos com distanciamento e porque não dizer uma certa frieza perante aquilo que não acontece conosco ou com os nossos. Só damos real valor quando a bomba cai um nosso território. Mas nunca pensei que seria impossível acontecer tragédias comigo, claro que já pensei sobre elas sim e o que implicaria a minha atitude em determinada situação.
Mas vai ver que é porque sou mãe e isto é típico de mães.rsrsrs

bjos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...