terça-feira, 2 de março de 2010

O melhor é morar junto antes de casar?

“O casamento é quase uma obrigação de fazer dar certo.” Assim uma amiga me disse certa vez. Segundo ela, jurando amor diante daquele monte de gente da família é quase um compromisso de dizer: “eu sou capaz, nosso amor é lindo e eterno. Sou a felizarda.”

- Não é bem melhor morar junto antes? - Perguntou em meio a sua revolta.

Fiquei sem palavras. Namoro há onze anos e meu discurso sempre foi: não recomendo o que fiz porque você perde o tempo para casar. Vai acomodando. Assim fiquei meio sem saber o que responder na época.

Esta semana estava no salão e caiu uma Caras nas minhas mãos. Lá falava do cantor da foto, Santiago, que oficializou a união com a mulher depois de dez anos juntos e três filhas.

Semana passada, conheci uma mulher, loira, linda que me contava dos problemas que estava tendo com o marido depois de um ano de casamento. Segundo ela, hoje se arrepende de ter casado antes de morar junto.

Realmente, morar junto é como ter permissão para que não dê certo. A conotação é mais leve. Casar já dá aquele ar pesadao de tem que dar certo. Tentar, batalhar pela relação. Como vou destruir “minha família”?

Por outro lado estamos numa época em que não é mais preciso papel para que a divisão de bens seja feita pela metade. Vendo este casal acima, casando feliz da vida depois de tantos anos juntos, oficilizando o que já deu certo, fiquei me perguntado se minha teoria de "case antes que a relação complete muitos anos" não está meio furada.
Talvez, morar junto antes de casar dê aquela coisa de menos expectativa, menos conto de fadas, menos princesa e mais realidade, já entrando no vestido branco sabendo dos defeitos e qualidades do outro. Ciente de que depois da lua cheia de mel virá o dia a dia cheio de moscas para atrapalhar.
Por outro lado, talvez seja isso que faça o casamento mágico, aquela expectativa do que virá, do desconhecido. Daquela festa mágica que celebra uma nova etapa. Aquela coisa "esotu saindo do castelo dos meus pais para construir o meu".

Dúvida. Tirando a parte de que cada caso é um caso... andei pensando... O melhor é morar junto antes de casar?

18 comentários:

Barbarella disse...

Nossa eu amei esse seu post e sinceramente eu concordo plenamente com o vamos morar juntos antes de casar,e olha que você namora a anos né?Eu sempre digo que depois de 5 ou 6 meses namorando já tá bom pra ir morar junto,e depois de um ano ir se decidindo sobre casamento.Mas o jeito como você escreve é magnífico. Parabéns!

Fernanda disse...

Olha acho que tudo é muito relativo, acho legal que algumas pessoas preferem fazer a "Experiencia" de morar junto antes de casar mas eu particularmente adorei o ritual de comprar a casa fazer planos para o casamento e tudo mais... e seu post foi muito legal parabéns...

Luciana Håland disse...

Casar e morar junto já não é a mesma coisa Depois de alguns anos quem mora junto já tem direitos e também os deveres, täo quão os casados, e se o casal tiver filho mais ainda. No caso do casal da foto, já morando junto e com filhos, o casamento foi mesmo pra celebrar, vestir roupinha e fazer festa, mas o compromisso e os direitos já existiam.
Muita gente também casa no civil e muitos anos depois que casa no religioso, sentem-se como se não estivessem casados por näo terem ido a uma igreja receber as bencãos, ou fazer uma festa, afinal isso é importante pra muita gente.
Casados ou morando juntos quando näo dá certo não dá, e quando envolve filhos ou grana, a briga vai pra justica de um jeito ou de outro.

Bia Mendonça disse...

Eu sou do pensamento de que tem que fazer o 'test drive' antes de casar. Acho que morar junto ajuda a conhecer o outro melhor e ter uma idéis do que vai vir depois de oficializada a união. Para que ninguém reclame depois que casou enganado(a)! Conhecer as qualidade da pessoa é ótimo, mas conhecer os defeitos é fundamental, pq só depois é que se conhece o 'feio' da pessoa, se aprende a aceita-lo(a) com seus erros e acertos.

Como já comentei no post do blog, adorei seu livro Flávia, história muito verdadeira e bonita!

bjs

Elaine Canha disse...

Muito bom o post. Parabéns!
Como vim de uma família católica, por eles e por mim acabei casando antes de morar junto. Estamos casados a 2 anos e juntos a quase 7, e com a graça de Deus felizes apesar dos ajustes que temos a fazer dia a dia. Com relação à sua pergunta acho relativo o "dar certo" da união. Apenas morar junto facilitava quando obrigatoriamente nós mulheres tinhamos que mudar o nome, pois complicava trocar os documentos em caso de separação. Mas como hoje podemos manter nosso nome de solteira (eu inclusive mantive o meu, acho que tanto faz casar logo ou morar junto, vai de acordo com a vontade de oficialização por parte dos dois.

Dea アンドレア disse...

Adorei i post.
Eu aconselho a morar junto...
Eu morei 1 ano pra depois casar.
e está dando certo. Vou fazer 5 anos de casada :)
bjkas

Amanda Zanqui disse...

Olá! Conheço muitas pessoas que moraram juntas um tempão antes de casar, dentre elas alguns casamentos deram certo outros não. Como também conheço muitas pessoas que casaram direto, e da mesma maneira alguns casamentos deram certo outros não. Acho que isso vai depender da cabeça da pessoa. Eu me casei direto, sem morar juntos antes, prefiro assim. Hoje em dia muitas pessoas baseiam os seus relacionamentos em emoção, ao invés de honrar o compromisso que tem. Ao inves de cuidar do amor e de viver a palavra amor em todos os seus significados e sentidos. Então, acho que o melhor é a partir do momento que um casal decidi juntar suas escovas de dente, eles tem que lutar pra que de certo, pois as dificuldades e problemas sempre virão, mas quando os vence, o amor fica mais forte. Complicado, né? rs Beijos

Liz / Falando de tudo! disse...

ah...acredito que sim... sempre bom fazer um "test drive"!
eu néao fiz, vou fazer 5 anos de casada...mas eu e meu esposo somos bem "tolerantes", se nao eu te digo: nao daria certo!
gostei daqui...

Laly Ribeiro disse...

Adorei o assunto do post hein!! Mandou bem! rs
Eu sempre apoiei a ideia de morar junto antes do casamento, inclusive tem uns casais que fazem isso, uns 6 meses antes de casar! é importante também ter a pretensão de casar né?! para não jogar uma balde de água fria nos sonhos do companheiro(a). Minha família não aceita essa decisão, e como sou a única maria, querem meu casamento tradicional, é certo que as decisões são minhas mas acho que o casamento é bem ou mal um sonho realizado de toda a família que não podemos impedir de dar certos palpites( acatemos ou não)!! Mas super apoio "o morar junto antes de casar!"rs
Bjs

Luciana Klopper disse...

Acho que no fim das contas é tudo o mesmo, a união, o companheirismo, as brigas, as irritações, são as mesmas! rsrsr

Maria Bonfá disse...

adorei esse post.. acho complicado responder.. veja bem fui casada por 30 anos eme separei. nunca fui feliz. tenho uma filha que se casou de branco etc..ja faz 12 anos e ainda são muito apaixonados... e a outra que mora com um rapaz ja fazem 6 anos e vive muito bem.. então sou suspeita para falar qualquer coisa.. cada caso é um caso.. beijão

Lucia Cintra disse...

Eu nao morei junto com meu marido antes de casarmos e nosso relacionamento nao mudou nada depois que assinamos um papel.

Pra mim, nao faria diferenca, mas o beneficio de um casamento aqui eh que te da mil direitos, enquanto os que moram juntos nao tem essa vantagem. Mas nao foi por isso que casei. Nos nos amavamos, ele pediu minha mao entao pq nao? Rs

E o nosso relacionamento so amadurece e fica melhor a cada ano que passa. Bjos

Raquel disse...

Eu morei um ano juntos antes de casar e confesso que amei a experiência!! A parte mais positiva disso é fato de já saber enfretar aquelas crises do primeiro ano de casamento, tipo, "não deixa a toalha molhada na cama", "abaixa a tampa do vaso", ´"dá descarga depois do xixi", "não deixe calcinhas pendurada no box do banheiro", e por aí vai... Quando morei junto com o meu marido antes de casar, já enfrentamos esse desgaste bobo da relação e soubemos lidar melhor um com o outro, além do que, quando moramos juntos, não existe aquele medo do papel assinada, comunhão de bens, família, ou seja, não envolve ninguém e isso facilita muito na hora de colocar os pingos nos i's!!!!

Beijosssssssss

Jane disse...

Acho que morar junto é casar, com papel ou sem papel. Ou pelo menos deveria ser. Porque casamento é isso: se unir a alguem que voce ama para construir uma vida juntos. Sendo assim, a falta do vestido e do papel nao deveriam de fato ser um "compromisso menor". Uma possivel separacao em um caso desses pode ate ser "mais simples", burocraticamente falando, mas será tao dolorosa quanto qualquer separacao legal.

Sendo assim, minha resposta é: depende da motivacao. Se for para "testar" de da certo ou nao, nao junte nem case, porque isso ja é apostar pra nao dar certo. Mas se for para assumir o compromisso de um casamento com qualquer outro, e o adiamento do casamento "oficial" acontece por meras questoes financeiras, burocratias ou sei la, entao juntem, casem nao-oficialmente e sejam felizes.

Bjos.

Anônimo disse...

Valuable info. Lucky me I found your site by accident, I bookmarked it.

Oscar disse...

Na boa? Acho que juntar os trapinhos só acontece quando o homem não quer casar. Porque nenhuma mulher que vc perguntar, caso lhe seja dada a escolha, preferirá morar junto a casar. Não tem o mesmo peso, o mesmo respeito, a mesma sensação subjetiva do "peso" da aliança e do papel. O marco do início da vida a dois. E, de quebra, no primeiro bate-boca eles pegam a mochilinha e caem fora. Acho que as mulheres não deveriam se sujeitar a isso, é meio que um desespero (prefiro ter um 'namorido' a nada). Quer fazer test-drive? Basta ser uma boa observadora e checar os hábitos dele na tua casa, na dele, nas famílias de vocês. Se a muljer for esperta, saca tudo de antemão. Já se for pagar pra ver e ir morar junto, pode ser que nunca na vida vá ter uma aliança no dedo e um título de esposa de fato. Porque faz diferença sim, ah faz.

Oscar disse...

103

Oscar disse...

Na boa? Acho que juntar os trapinhos só acontece quando o homem não quer casar. Porque nenhuma mulher que vc perguntar, caso lhe seja dada a escolha, preferirá morar junto a casar. Não tem o mesmo peso, o mesmo respeito, a mesma sensação subjetiva do "peso" da aliança e do papel. O marco do início da vida a dois. E, de quebra, no primeiro bate-boca eles pegam a mochilinha e caem fora. Acho que as mulheres não deveriam se sujeitar a isso, é meio que um desespero (prefiro ter um 'namorido' a nada). Quer fazer test-drive? Basta ser uma boa observadora e checar os hábitos dele na tua casa, na dele, nas famílias de vocês. Se a muljer for esperta, saca tudo de antemão. Já se for pagar pra ver e ir morar junto, pode ser que nunca na vida vá ter uma aliança no dedo e um título de esposa de fato. Porque faz diferença sim, ah faz.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...