terça-feira, 19 de agosto de 2008

FAZEMOS PELA METADE E QUEREMOS RECEBER POR INTEIRO?

Época Olimpíadas e o Brasil está dando um vexame! Declarações esdrúxulas para justificar derrotas previsíveis.

Hoje o Brasil perdeu de 3 a 0 para a Argentina. Previsível também. Nem perdi meu tempo vendo as explicações.

Mas a culpa é do Dunga? Não. Uma andorinha não faz verão. Ele depende de um monte de gente, cada um com sua referência do esforço que é necessário para vencer.

O judoca que perdeu e chorou disse a frase olímpica que todo atleta brasileiro deveria aprender: “Eu vim para competir, mas não tive capacidade para julgar meu adversário.

Já as meninas da ginástica disseram: “Estamos satisfeitas com esta colocação” (OITAVO LUGAR? O ÚLTIMO?) Se foi para ficar entre as oito, que não se esforçassem na final!!! Nem sermos humildes, sabemos ser! Ninguém fica satisfeito por ser o último!!! Essa é a verdade.

Talvez, antes, eu não pensaria assim, mas há um mês atrás, terminei de ler o livro “Adeus China – O último Guerreiro de Mao”. Ótimo. Recomendo.

Hoje é meu dia de falar sobre um livro no blog “O que elas estão lendo!?” (www.elasestaolendo.blogspot.com) e resolvi falar sobre o este livro.

Tem tudo a ver com as olimpíadas e com a equação:

Tamanho do esforço = ao tamanho da recompensa.

No livro, o bailarino que já é bom, quer ser melhor ainda. Quanto mais ganha, mais treina, mais treina. Cada movimento é treinado exaustivamente até ser, no mínimo, perfeito!!!
Tirania de Mao? Que seja, mas o quadro de medalhas, mostra o poder da disciplina. O poder do treinar para ganhar.

Brasileiro não pode ganhar uma partida que logo vai para o churrasco. Deveriam aprender com o César Cielo que disse: “O que vocês estão vendo é apenas uma vitória, em cima de muitas derrotas. É muita dedicação.”
Uma vez alguém me disse: Todos nós sabemos quando poderíamos ter dado mais de nós. Mas no fim sempre queremos gordos aplausos. E nesse caso, uma medalha. Fazemos uma meia boca e contamos com a sorte. Ficamos p da vida porque não conseguimos atingir o obejtivo.

Por isso, só me resta pensar: Fazemos pela metade e queremos receber por inteiro?

15 comentários:

Cheers! Fla disse...

Concordo em genero, numero e grau, uma palhacada esse jogo de hoje, sem comentarios!

bjs

Garotas de Vinte e Poucos disse...

sempre achei um absurdo dizer que o técnico é culpado! Tá certo que não podem despedir 11 jogadores de uma vez... mas o coitado do técnico não pode colocar vontade em atleta nenhum!
Bjo
*Lala*

teaguentanosalto disse...

eu simplesmente ESQUECI que era hoje o jogo heheheh eu mereço uma medalha de ouro em esquecimento nos ultímos meses.. vou te contar! hehe
mas fiquei sabendo hoje na faculdade o vexame.. mas coitado do tecnico.. eu tbm nao culpo ele.. como disse meu professor " o Brasil tem ótimos jogadores, individualmente fazem shows de encher os olhos, infelizmente como time.."
nao olhei o jogo, droga. sou fã do ronaldinho.. hehe
adoramos o blog!
vou voltar sempre por aqui.. beijos, L.

rohit disse...

hi
hello
how was your day?
i liked your blog
you are fantastic!!!

really nice blog
fabulous fantastic
bye
take care
see you

JAMINE BRUNO disse...

Com certeza Flavia!! Sempre fazemos pela metade...Acredito que isso faz parte da nossa ' cultura' brasileira...


Uma vez, falando com minha cabelereira (que e portuguesa) a mesma comentou sobre este ' estilo' de ser portugues: mais aplausos que trabalho...E pensei comigo mesma: tai a origem dos nossos 'devaneios de grandeza' . Sempre achamos que fizemos o maximo, que somos o maximo,etc...Esquecemos de trabalhar, de pensar na concorrencia e de ver que os imprevistos acontecem, mas que podem ser minimizados.

Nao vi o jogo de ontem contra a Argentina...Mas pelos jogos anteriores (pessimos) tinha certeza de que ainda que chegassemos a final, nao iriamos longe...E assim e a vida ...

Outra coisa sobre o time do Brasil: Colocaram o Ronaldinho Gaucho como capitao do time!! O cara tava ha mais de 6 meses sem jogar, tem fama de farrista, foi colocado la pelos patrocinadores (nao pelos meritos, com certeza) e era o CAPITAO!! Pense num time que tinha tudo para ser um sucesso?!?!?!?!?!

Georgia disse...

Você está certíssima. Concordo com você.

A Deise, resolveu sim, ficar por aqui, pode ser que num futuro bem distante como ela disse, ela vá morar no Brasil, mas por enquanto nao.

Beijao

Dri - Everywhere disse...

SIIIIM!
Concordo com vc, mas nao acho que eh problema de atleta e muito menos de Brasileiro. Faz parte da natureza humana.
Em RH eu vejo isso todos os anos, quando chega epoca da avaliacao de performance.
Como RH vemos os dois lados da moeda: como chefes e colegas veem um determinado funcionario, e como o proprio funcionario se ve.
Agora adivinha se ha uma equivalencia de opinioes?
Logico que nao.
Os funcionario sempre querem uma promocao, um aumento de salario, um bonus gordo. Mas durante o ano ninguem trabalha direito pra merecer nada disso. Todos chegam tarde, faltam de vez em quando, fogem de cursos treinamentos e horas extras, mas sempre acham que deveriam ganhar mais.. que o chefe eh um mmcarrasco e eles sao explorados.
No entando, aquele que de fato batalham e trabalham duro, sao os que se dao bem, e ganham as "medalhas" no final.

Fê Costta disse...

E sua viagem, já está toda definida?? Acabei de postar sobre a última cidade que conhecí, lindíssima! Não deixe de conhecê-la, chama Karlovy Vary!

Bjs!!

Camila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Camila disse...

COncordo plenamente com o post!
Beijo.

Ps. Adorei o nome de seu blog, fino demais!

=**

teresa disse...

mandou muito bem! apoiadíssima!

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Vou lá ver o que vc escreveu sobre o livro...

bjo!

Carolina disse...

O problema é que ao traçar um objetivo a gente precisa caminhar passo a passo e isto se traduz em planejamento, dedicação, envolvimento e talvez o nosso problema maior é que só enxergamos bem lá na frente e aí não tem como dar certo. É preciso seguir a estrada e não pegar atalhos. Pra enxergar longe é preciso estar atento ao caminho antes da chegada.
E na boa, acho que além disso tudo o que você falou e concordo, o brasileiro por si só sofre de uma puta baixa auto estima.
bjos

- Tiffany disse...

Concordo por inteeeiro! sempre falei isso.
e sabe o que eu acho?? ou os jogadores (futebol) tão cansados de jogarem, ou rolou uma grana ali em! HAHA.

beijos:*

Carolina disse...

Menina, olha que bom a segunda já está terminando, mas te confesso que no final do dia as perspectivas já eram outras ( bem melhores)
Mas olha domingo a tardinha já começa a bater, né? Com musiquinha do Fantástico horror da Vida aí o bicho pega,viu?
bjokas e boa semana!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...