sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Homem também tem sentimento ou é dependência?

Anônimo disse...

"Sou homen e casado...Achei essa discussão aqui, pq minha mulher comecou a sair sozinha com as amigas... as amigas tb são casadas... vao em baladas, mas nunca falam o q conversaram e como estava o lugar... Logico q fico com a pulga atras da orelha... minha mulher é bonita e eu sei como funciona as coisas entre os homens.... pra sincero eu nao gosto, mas aceito por respeito e amor a ela... mas é bem dificil... no dia q ela sai eu fico triste e chateado.. mas tento nao demonstrar... qual o problema de sair comigo tb?? eu nao saio sozinho com os amigos... acho q sim, é a historia de querer estar junto. Pensem nisso mulheres... vcs podem estar magoando seus maridos / namorados!"

2 de dezembro de 2010 12:56

Todos os comentários feios no blog vão para o meu e-mail. Leio um por um. E, muitos deles, são feitos em dilemas antigos. Como neste caso acima.
 
Abri meu e-mail e lá estava este comentário de um anônimo no post: "Casada, sozinha não pode?" de 20 de agosto. Quando terminei de ler eu estava com o coração partido e, vendo a foto acima - que ilustrava o post, fiquei imaginando ele olhando e pensando na esposa dançando a todo vapor, sem ele!
 
Por outro lado, lembrei de uma amiga que está tentando se separar do marido, já não vivem bem por anos e ela tomou a iniciativa de sair de casa. Resumo: ele faz escândalo na frente do filho, diz que vai se matar e por ai vai. Isso é sentimento? Ou dependência? 
 
A mulher, geralmente, não resiste e cede, já os homens, quando decidem fazer algo: seja sair com os amigos ou separar, a mulher pode cortar os pulso que ele vai embora.
 
Mas relendo esta parte... "Qual o problema de sair comigo tb?" Que fofo! Queria muito que ele tivesse se identificado para poder vir aqui e discutir com a gente, hoje: Homem também tem sentimento ou é dependência?

21 comentários:

Anônimo disse...

Tem os com sentimento, tem os dependentes...
Fla, essa discussão me aflige. No seu outro post foi a mesma coisa. A razão e sensatez dizem que cada um pode sair sozinho, se divertir, etc etc. Mas na hora h eu sinto calafrios quando meu namorado diz que tá a fim de ir não sei aonde só com os amigos. Geralmente ele acaba não indo - e não que eu insista. Eu tb raramente vou. Mas namoramos há 4 anos e meio e nos acostumamos assim, só saímos juntos...!! Fico realmente pensando se isso tudo é amor e vontade de estar junto, ou se viramos dependentes.
Mas qdo falo em sair, é só balada, isso não se inclui shoppings, saídas com mãe, irmã etc, isso tudo faço sozinha na boa.
À propósito, vc escreveu "sede" em vez de cede.
Beijinhos adoro seu blog e hj escrevi anonima pra desabafar rs

♕Miss Cíntia Arruda Leite ღ disse...

Claro que todos tem sentimento. Acho que isso é amor, porque ele não a proíbe de sair, apenas queria sair com ela também. Isso é bem legal e difícil hoje em dia, ver um homem que admira sua esposa e quer a companhia dela a todo momento, pois geralmente são as mulheres que pensam assim.

Acredito que esse marido deve conversar com a mulher, as vezes ela faz se intenção de magoar, pensa que por ele deixá-la sair sozinha é porque não liga. Portanto, ele precisa se abrir, ninguém tem bola de cristal!!
Desejo que tudo fique bem.

beijos querida e bom fim de semana!

Cláudia Acourt disse...

Flavia,
Se pensarmos que todos homens sao iguais fica dificil responder a esta pergunta. Eu acredito que dentro de nos, e tbem neles, existe um pouco de tudo. Dependendo do carater vai ter mais de uma coisa ou de outra. Brava è a mulher que consegue identificar estas caracteristicas no companheiro e sabe lidar com elas.
Bjos

Dri - EveryWhere disse...

Mas ai é que esta, e acho que é justamente esse o "segredo do sucesso".
O problema não é sair sozinha ou com o marido, e sim achar um bom balanço e ser feliz (de verdade, não apenas de fazer de "cool") com ambas as situações.
Ninguém nasceu colado, e assim como é perfeitamente normal conseguir se divertir com grupos diferentes de amigos, tambem deveria ser normal se divertir com grupos separados de "relacionamento".
Adoro sair com meu marido - seja cinena e jantar a dois, viajar de mochila nas costas ou se acabar numa balada. Ele é meu companheiro de todas as horas, mas não quer dizer que eu só saiba ser feliz se estiver colada nele - e vice versa!

Me divirto com ele, mas sair ou viajar com minhas amigas (e ele sair e viajar com os amigos dele) proporciona um outro tipo de diversão que independente da felicidade no relacionamente é importante pra felicidade individual.

Quando eu quero sair com minhas amigas é uma decisão minha, nao tenho que "pedir" nem "negociar" ou coisas do tipo - e vice e versa!

Geralmente aproveitamos quando um de nós tem planos - que não inclua o outro - para fazer nossos planos independente tambem. Quando sei que ele vai viajar com seu grupo de marmanjos planejo baladas com amigas, e muitas vezes quando eu saio com minhas amigas ele aproveita pra ficar sozinho em casa jogando video game ou sair com os amigos dele.

Me desviei totalmente to tema do post e da dependencia dos homens, mas acho que ao proclamar "qual o problema de sair comigo" esse anonimo mostrou sua total dependecia, e que provavelmente a esposa dele nao quer sair com ele pois ele nao curte e nao se diverte nos mesmos programas que as amigas dela.
Nao que ele nao seja uma boa compania, mas muitas vezes, uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa!
Sera que ele já parou pra pensar se ele realmente se divertiria e se seria uma boa compania pra ela se saissem juntos, ou ele quer que ela sempre o convide por insegurança, pois quer saber sobre oque elas conversam, pois ele (acha que) sabe "como sao essas coisas de homem" e que alguem vai dar em cima dela, e ele nao confia em seu propria taco, e que mesmo se ela tiver 30 garotoes atras dela na balada, ela sabe que o melhor de sair pra divertir com as amigas é saber que voce vai voltar pra casa e dividir a cama com o home que te ama!

Depois dos 25, mas antes do 40! disse...

Ai que curiosidade de saber quem é a anônima. Sobre ficar aflita, que ótimo. É para isso que estamos aqui, para falar e pensar sobre os nossos dilemas.

Eu saio sozinha, sempre. Sinto essa necessidade. A gente tem realmente que ter muito cuidado entre: querer estar junto e dependência. Depender da companhia do outro é péssimo, destrutivo.

Obrigada pela correção, como tinha um compromisso importante, fiz o post correndo hoje pela manhã, e não revisei cuidadosamente, nem passei no revisor. Obrigada.

Beijos

Fabiana disse...

Acho que nós terminamos nos acostumando a sair só com aquela pessoa e criando um tipo de dependência mesmo, até pq, chega uma hora que todas as suas amigas casaram e os programas são todos de casal...
Mas sinto muita falta de sair só as amigas... não tem nada melhor do que uma noite só de mulheres! Acho até que vou ligar pra elas hj!
Quanto ao nosso amigo, vc não pode ficar em casa sem fazer nada enquanto ela está se divertindo, essa angústia vai crescer dentro de vc e um dia vai acabar com o relacionamento! Ou vcs conversam e ela diminui as saídas (acho errado) ou vc acha algo que goste muito pra fazer nesse dia também! Vai tomar um chopp com os amigos! Aposto que tb vai ser muito bom!!!
Boa sorte!

Fabielle Bacelar disse...

Sobre isso eu ainda não sei gente... tomei a decisão de não namorar (e nem "ficar") a não ser com meu marido... então... não faço nem idéia do que é isso dependência e tal's..

Mas na minha opinião o querer sair junto nem sempre é dependência, a correria já é tanta, tanto tempo longe que a vontade de compartilhar bons momentos com quem amamos (no meu caso amigos e família)é normal.

Flávia, me veio agora uma curiosidade... você é parente da Talita e do Diego Mariano? Eles são amigos meus daí de vitória (ou vila velha não sei bem) Como o sobrenome é igual fiquei curiosa...

De qualquer forma achei muito interessante o post e principalmente a sua humildade em receber tão harmoniosamente uma correção ortográfica... Continua a me surpreender pela simplicidade.

Beijos

Trocando ideias - Espaço Mulher disse...

Eu sou a favor que ambos saiam com seus amigos para conversar, se divertir! Temos que ter nossa individualidade!
Porém não pode faltar respeito!
Bjs
Dani

Cheers! Fla disse...

Ok, agora isso vai virar um livro ha, ha, ha:
As vezes fica mais facil dar opiniao na vida dos outros do que na nossa mesmo, ele foi bem sincero e aposto que deve ter sido dificil para ele escrever esse comentario. A gente nao sabe qual a razao dela sair soh com as amigas e nao com ele, ou dele nao ter amigos para sair junto? Ou isso, ou aquilo.
Eu nao acho que estaria em uma relacao onde meu marido ia ficar em casa soh me esperando e nao saisse com ninguem? E acho que com o Paul (meu marido) seria a mesma coisa, se eu soh ficasse em casa, esperando por ele??? Acho que como a anonima disse, tem homem e mulher com sentimentos e os dependentes.

Eu saio e me divirto com minhas amigas, tanto quanto com o Paul, mas a minha familia eh numero 1 e se tiver que cancelar encontros, baladas ou saidas por que quero passar mais tempo com meu marido e minha filha faco isso sem problema nenhum. Final de semana passado fui encontrar com a Lu Misura que veio para Londres, a Helo, e uns amigos da Lu, a Victoria verde de fome e eu e o Paul tbem, qdo nos falaram que jah tinham comido, nos falamos que nos encontrariamos com eles depois e fomos comer algo. O frio estava pegando feio e como todo mundo parecia meio indeciso do que ia fazer, o Paul (ingles) decidiu ir embora, pois nao queria ficar enrolando no frio, tranquilo, eu fui com a Victoria, me encontrei com eles e tudo sem problemas, eu nao gritei com ele ou reclamei que ele nao ia junto, como que eu vou forcar a alguem a fazer algo que nao quer? E ele fez o mesmo, nao reclamou que eu ia encontrar com o pessoal e nao ia embora com ele pra casa. Mas as vezes as pessoas nao entendem isso. Mesmo os amigos nao entendem como um casal consegue fazer isso, well... fazendo. Ninguem nasceu grudado como a Adriana falou, eu tinha uma vida antes dele e ele tbem.

Talvez o anonimo precise conversar com a esposa, o que eh dificil, mas eh um mal necessario :-)

Juci Bris disse...

sou noiva e já experimentei sair com as amigas e amooo.....me sinto mais independente. Mas sinto um friozinho qdo ele tb faz isso. Acho normal sentir isso, afinal, nos amamos e tb somos dependentes e ser dependente não significa algo ruim na minha visão.....mas dependência com posse sim! Eu tb amo e tb sou dependente , mas o deixo livre pq é necessário isso para o relacionamento. Não sei se me fiz entender, mas acho q o anônimo q te escreveu nao tem idéia do qto isso faz bem pro relacionamento deles....uma pontinha de ciúmes, a ausência sentida e o prazer do reencontro...o olhar muda, o amor é preservado.

Nilce disse...

Oi Flávia
Acho muito importante liberdade entre um casal. Mas neste caso já chegou ao exagero.
Gosto do relacionamento da minha filha. Namora há quase 7 anos. Moram em cidades diferentes e têm muita liberdade. Mas ela sai apenas com amigas para jantar, um cinema ou um aperitivo. Ele também. Mas nunca sair para dançar com outros rapazes ou moças, que sabemos muito bem que a coisa pode ferver.
Balada só juntos, apesar de que não são muito disso.
A confiança é primordial, mas abuso também não deve acontecer.

Bjs no coração!

Nilce

LICIA TATIANE disse...

Claro que homem também tem sentimentos,mas também podem ser dependentes.As pessoas costumam diferenciar o homem da mulher,como se o homem fosse um ser inatingível,sem sentimentos,mas é só o amor ou a paixão baterem na porta que se tornam iguais.Loucos,maniacos,dependentes...no caso do nosso amigo anônimo é tão difícil palpitar,por que só sabemos a versão dele na história,o certo seria que ele transformasse esse comentário em um diálago para ele ter com a esposa dele e os dois entrarem em um acordo sobre isso.Uns anos atrás meu marido me atormentava por causa de ciúmes,era um ciúme maníaco que eu não podia nem ir na casa de minha mãe,mas nada que um bom diálago com minhas malas prontas não resolvesse.Hoje ganhei minha liberdade,saio sozinha e toda semana com minhas amigas,que também são casadas,dou liberdade para ele sair também.É importante cada um ter sua individualidade.

Borboleta no Casulo disse...

Homem também é carente e quando eles são...aiaiaia.
Bjs

Linda Carioca disse...

Ah, depende do lugar. Sair pra balada (leia-se barzinho e boate) sem o namorado (ou namorada) com certeza é dar margem para a desconfiança.

E eu queria saber, se a pessoa namora ou é casada,vai para um lugar desse desacompanhada pra quê, se a graça, é estar com quem se gosta ?

Beijos !

Depois dos 25, mas antes do 40! disse...

Meninas, eu vou ao blog de uma por uma, mas eu estou feliz com os comentários de hoje. Todos com muita qualidade, pensamento. Tenham certeza que suas considerações ajudam a muitas leitoras que só leem, mas não comentam. O contador não pára de crescer e boa parte disso é pelos comentários de vocês.

Hoje, vocês merecem um elogio público!

jaqueline disse...

Oi Flavia querida ja falei que adoro os temas que vc aborda aqui. Entao eu nao conhecia isso de sair sozinha com amigas quando tava namorando sempre meu namorado tava do lado, e agora casada com um alemao sempre saiu com minhas amigas pra balada de chegar 6 horas da manhae ele e um fofo e ainda fala divirta-se. acho que a confianca e tudo e deixo bem claro que to indo dancar com amigas ... aprendir depois de casada a confiar entao acho que ele nao sofre ou melhor nunca tinha nem pensado nisso.bju linda eum otimo final de semana

Ana Santos, uma escritora em construção disse...

Oi Flavinha,

Esse post combina direitinho com uma conversa que aconteceu com uma amiga essa semana. Nós duas somos casadas e combinamos um programa com nossos maridos e mais um casal. Sendo que nós duas e o marido deste terceiro casal trabalhamos juntos, estamos acostumados a brincar, a ver a liberdade que um tem com o outro, a zoação e blá blá blá. Qdo a esposa dele estava junto com a gente, ele mudou completamente. Parecia "castrado" pela presença dela. Quando se fala em sair sozinho talvez alguns pensem em "galinhar" mas nem sempre é isso. Esse nosso amigo é super fiel-apaixonadão, se ele fala de sair sozinho eu logo entendo que ele quer continuar sendo ele mesmo, já que ao lado da esposa, ele acaba sendo diferente do que realmente é.
Quanto a mim, sou casada e saio com e sem o marido. Ele tbm tem a mesma liberdade e tranquilidade que eu. Mesmo fazendo mais o estilo carente, a gente vive em harmonia! Em janeiro estarei de férias e ele não. Vou por o pé na estrada pra encontrar uma amiga e ele me apoia. Não existe uma fórmula, receita ou resposta certa ou errada para essa questão. Cada casal sabe o limite da relação.

Ih, virou um tratado... rsrs

Beijos

Paty Chuchu disse...

Oi querida demorei desta vez pra comentar mais estou aqui kkk,vc sabe nao perco uma oportunidade de dar a minha opiniao.
Qdo eu namorava no Brasil,nao saia sozinha de jeito nenhum,primeiro:namorado odiava e minhas amigas tb com namorados jamais saiam sozinhas entao saiamos aquele bando de gente e era super divertido tb,saiamos a dois e era melhor ainda kkk.
Qdo vim pra ca namorei com um alemao hiper ciumento,entao ,pra evitar nao saia sozinha,acontece que ele saia,ele ate viajou sem mim pode??(tudo bem a gente tava brigado,mas ninguem tira da minha cabeca que ele provocou a briga de proposito),entao depois que ele fez isso resolvi tb sair com as minhas amigas e era muito bom,dancar,beber uns coqueteis,falar besteiras sem ter que ta traduzindo,por causa disso(diz ele) o relacionamento esfriou,eu acho que foi porque eu estava me tornando independente dele e ele nao tinha tanto controle sobre mim.
Agora com o meu marido e tao diferente,eu saio com minhas amigas,ele nao reclama,ele sai tb com amigos dele,e tb saimos muito juntos,acho super legal.Mas o bom de tudo isso e´ que a confianca e´ muito forte,ciumes?!!Nao rola.
Resumindo tudo isso se vc tenta prender muito a pessoa amada,tipo assim so sai se for comigo,ela se sente sem ar,sem vida propria,e acho que isso nao e´ bom em nenhum relacionamento.Essa e´ a minha opiniao..beijos querida

Malu disse...

Ninguém nasceu grudado, existem muitos programas bem bacanas que se pode fazer com as amigas........
Mas sobre balada....hum...como diz aquele ditado popular.........A ocasião faz o ladrão........e não há taco que resista.......rsss

Mary disse...

Fiquei imaginando se este homem também não gostaria de sair com seus amigos de vez em quando, sem a esposa; sem nenhuma intenção de traí-la.

Cantinho She disse...

Homem tem sentimento sim e alguns têm também dependência, exatamente como as mulheres, mas de uma forma ou de outra eu opto sempre pelo diálogo, pois sentir o que ele sente cada vez que a esposa sai com as amigas é horrível...
Como sempre adorei!
Beijo, beijo!
She

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...